CNT

Programa DESPOLUIR – coordenado pela FETPESP – supera barreiras e fronteiras

Programa DESPOLUIR – coordenado pela FETPESP – supera barreiras e fronteiras

A Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado de São Paulo (FETPESP) tem sido protagonista da defesa ambiental no setor, uma vez que atua como operadora do Programa Ambiental dos Transportes no setor rodoviário de passageiros, o Programa DESPOLUIR. 

 

Há quase duas décadas, tem realizado trabalhos em prol da sustentabilidade, amenizando os impactos ambientais inerentes à operação do setor, engajando-se em ações para melhoria da qualidade do ar, especialmente nos grandes centros urbanos.  

Um dos ônibus da empresa Andorinha que fará a linha internacional (Divulgação)

 

Assim, a FETPESP, por intermédio do Programa DESPOLUIR, maior programa ambiental da iniciativa privada no Brasil, engrandece seu grau de responsabilidade com o meio ambiente, superando seus limites e suas fronteiras, ao compor uma parceria inédita nos seus quadros operacionais, atendendo a uma empresa com divisas internacionais com o Brasil. 

 

DESPOLUIR – além-fronteiras 

 

O gerente de manutenção da Empresa de Transporte Andorinha S.A., Fábio Kemp

A Empresa de Transporte Cruceña S.R.L., operadora do serviço regular de transporte rodoviário internacional de passageiros entre o Estado Plurinacional da Bolívia, com sede na cidade de Puerto Suárez, e a República Federativa do Brasil, solicitou a inclusão, em sua frota operacional, mediante autorização do governo local, da obrigatoriedade da colocação do selo verde de qualidade ambiental quando da realização do controle de emissões de gases poluentes realizado pelo Programa Ambiental dos Transportes, o Programa DESPOLUIR, operado pela FETPESP dentro do território brasileiro. 

 

Sendo assim, a FETPESP, dentro do seu grau de competências dos serviços que lhe são atribuídos e realizados no setor rodoviário de passageiros em todo estado de São Paulo, passa a chancelar a qualidade dos serviços operacionais quanto ao controle das emissões de gases poluentes atmosféricos expelidos da frota circulante boliviana em seu perímetro estadual, com a aplicação dos métodos de Inspeção Técnica Ambiental Veicular realizados pelo Programa Ambiental dos Transportes, regidos em Brasília pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) e realizados operacionalmente pela FETPESP. 

 

Maurício Alvez, técnico do Despoluir pela FETPESP (Fotos Divulgação)

 

O Grupo Andorinha, detentor dos serviços da Empresa de Transporte Cruceña S.R.L. em território nacional, foi o responsável pela solicitação da inclusão dos serviços do Programa DESPOLUIR àquela transportadora, reportando-nos às necessidades do governo local, considerando que a Empresa de Transporte Andorinha S/A, empresa líder do Grupo, já dispunha dos serviços do programa desde o seu início. 

 

O gerente de manutenção da Empresa de Transporte Andorinha S/A, Fábio Kemp, descreve a importância da parceria das empresas do Grupo com a FETPESP e agradece a inclusão da Empresa de Transporte Cruceña S.R.L. na agenda operacional do programa, disponível a esta operadora. “Essa parceria com o Programa DESPOLUIR já se estende por mais de 15 anos. A empresa trabalha essa questão de maneira intensa, sempre preocupada com o meio ambiente e com a segurança dos nossos clientes. O programa nos dá essa certificação, garantindo que estamos realizando um plano de manutenção bem feito”, afirma ele. 

 

O programa deve ser um trabalho contínuo dentro das empresas, a fim de possibilitar um crescimento sustentável. “Recentemente, a empresa adquiriu mais quatro carros, e eles vão ser exportados para atender essa linha internacional entre o Brasil e a Bolívia, e a certificação é exigida também naquele país. Dessa forma, o programa, gerido pela FETPESP no estado de São Paulo, podemos dizer que se torna agora internacional”, explica. 

 

As inspeções técnicas do programa serão na unidade de São Paulo, alocada na Barra Funda, e serão realizadas pelo técnico operacional Maurício Alves, responsável pelo atendimento do Grupo na cidade de São Paulo.  Reportagem completa na Revista Sou + Ônibus Ed. 44.

 

Edição Marcelo Valladão

Publicado por: João Carlos Sanches

15 de maio de 2024