CNT

FETPESP entre os finalistas da 30ª edição do Prêmio CNT de Jornalismo

FETPESP entre os finalistas da 30ª edição do Prêmio CNT de Jornalismo

Serão avaliados os 35 melhores trabalhos inscritos. Um corpo de jurados formado por jornalistas de renome e um especialista em transporte escolheram o vencedor do Grande Prêmio (R$ 60 mil) e das premiações por categoria (R$ 35 mil cada)

O Prêmio CNT de Jornalismo 2023 já tem os seus 35 trabalhos finalistas. Para chegar a esse resultado, as reportagens e fotografias inscritas foram validadas pela Comissão Organizadora e avaliadas por um grupo fixo de pré-selecionadores, formado por cinco jornalistas com atuação acadêmica. Essa é a 30ª edição do prêmio.

Os critérios para a escolha foram: relevância para o setor de transporte, para o transportador e para a sociedade; qualidade editorial; criatividade/originalidade; e atualidade dos temas.

As pautas abordaram aspectos do transporte, seja ele rodoviário, ferroviário, aquaviário ou aéreo – nos segmentos de passageiros ou cargas.

Os materiais se enquadram nas categorias Áudio (para matérias de rádio e podcasts), FotojornalismoImpressoInternetMeio Ambiente e Transporte e Vídeo (para reportagens e documentários veiculados na TV e em serviços de streaming). A grande novidade desta edição foi a criação da categoria Comunicação Setorial, voltada a entidades representativas do setor de transporte, a Campanha "SUA SEGURANÇA NÃO PODE SER PASSAGEIRA. VÁ DE ÔNIBUS", da FETPESP é uma das finalistas na categoria recém-criada.

Os finalistas, agora, serão avaliados pelo corpo de jurados do Prêmio, que, neste ano, é composto por: Alex Capella, Jornalista do Senado Federal; Luiz Megale, jornalista e apresentador da Band; Marina Amaral, diretora da Agência Pública; Milton Jung, âncora da CBN; e Marcus Quintella, diretor da FGV Transportes.

O trabalho com a maior nota receberá o Grande Prêmio CNT de Jornalismo, no valor de R$ 60 mil. Os ganhadores das demais categorias recebem, cada um, R$ 35 mil. Os vencedores serão conhecidos no início de novembro.

Conheça os finalistas e os trabalhos nos respectivos links abaixo:

Áudio

“Custo estrada: O impacto das rodovias na mesa do brasileiro”

Mardélio Couto, Rádio Itatiaia

“De popular a sonho distante: Como os carros se tornaram artigo de luxo em cinco anos?”

Deborah Fortuna e Gabriela Echenique, CBN

“Eu morri numa briga de trânsito”

Jader Silva Barbosa, BandNews FM

“Nina: Liberdade de ir e vir”

Beatriz Irineu Ferreira, Rádio Verdes Mares (CE)

“Problema crônico: pessoas negras ignoradas nos pontos de ônibus”

Jader Silva Barbosa, BandNews FM

Fotojornalismo

“Crise Yanomami”

Frederico Magno, O Tempo

“Greve no metrô prejudica 2,8 milhões”

Werther Santana, Estado de S.Paulo

“Mar de carros”

Danilo Verpa, Folha de S.Paulo

“Reflexo do transporte na economia”

Vitor Jubini Venturin, A Gazeta (ES)

“Transporte de alto risco sobre as águas”

Márcio Silva, Jornal A Crítica (AM)

Impresso

“As revelações do cartel do asfalto em obras do governo federal”

Flávio Machado Ferreira, Folha de S.Paulo

“Investimento público em mobilidade caiu à metade em uma década”

Cássia Almeida, O Globo

“Raio X das mortes no trânsito: Onde mais acontecem, quais são as causas e como podem ser evitadas”

Luiz Ribeiro dos Santos, Estado de Minas

“Rotas da mobilidade”

Queila Ariadne, O Tempo

“Viagem cancelada: O preconceito que limita o ir e vir da comunidade”

Pedro Grigori, Correio Braziliense

Internet

“Após 50 anos de entraves, ampliação da hidrovia Araguaia-Tocantins pode ficar completa”

Leonardo Eterno Ribeiro, CNN Brasil

“Cargueiros do pó”

Mirelle Pinheiro, Metrópoles

“Estradas de papel”

Jade Abreu, Metrópoles

“Porto de Fortaleza em crise”

Claudio dos Santos Ribeiro, O Povo

“Uma BR-319 no meio do caminho”

Leanderson Cavalcante, Amazônia Real

Meio Ambiente e Transporte

“Em busca da mobilidade sustentável”

Rone Carvalho, Jornal Diário da Região

“Estrada irregular e grilagem no litoral do Ceará”

Claudio dos Santos Ribeiro, O Povo

Ferrogrão afetará pelo menos 6 terras indígenas, 17 unidades de conservação e 3 povos isolados”

Leandro Melito Ferreira, InfoAmazonia & O Joio e O Trigo

“Minas Sustentável – Mobilidade”

Juliana Pereira Dias, Record TV

“Rio Capibaribe”

Caíque Luiz Batista, TV Globo Pernambuco

Vídeo

“Assédio no trem”

Luciana Osório Luz Cassol, TV Globo

“Jornada no maior rio do mundo”

Camila Moraes, Record TV

“Os salva-vidas do asfalto”

Giselle Barbieri, Record TV

“Saques de cargas: Violência e medo nas estradas do país”

Pedro Rockenbach, TV Globo

“Transgarimpeira: A rota do ouro ilegal na Amazônia”

Mariane Salerno, Record TV

Comunicação Setorial

“Campanha alerta o perigo que mototáxi gera à vida e à segurança”

Fetpesp (Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado de São Paulo)

“Em marcha lenta”

NTU (Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbanos)

“Podcast De ponto a ponto”

Sindiônibus (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará)

“Tecnologia no transporte coletivo abre caminhos para o combate à evasão escolar na rede pública”

Fetralse (Federação das Empresas de Transporte de Passageiros dos Estados de Alagoas e Sergipe)

“Valorização da maturidade”

Abrati (Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros)

 

Com inf. da Agência CNT

Publicado por: Marcelo Valladão

10 de outubro de 2023